31 de jul de 2013

Premiação Teatro FETRAN



Aconteceu na manhã desta quarta-feira, dia 31/07, a solenidade de premiação do projeto realizado pela Polícia Rodoviária Federal na seletiva realizada na cidade de Dourados onde os alunos da Escola Estadual Profª Nair Palácio apresentaram um Teatro referente ao trânsito.

Os alunos foram classificados em 1º lugar na etapa regional, tendo assim o compromisso de participar da Etapa Estadual que acontecerá em data a ser definida na cidade de Campo Grande. 

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal esteve no Anfiteatro da UEMS realizando a solenidade de premiação dos alunos e professores. 

Foram entregues cinco bicicletas para os alunos integrantes da peça e um Projetor de Multi Mídia para a Escola Nair Palácio. A melhor atriz foi a Kenia Gabriela Rosso e o melhor ator Cezar Ramirez Candido, ambos do 3º ano do ensino médio. 

O elenco foi premiado ainda com o melhor texto, melhor cenário e melhor figurinista.

 Segundo a inspetora da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Luciene Faria, o Festival Estudantil Temático Teatro para o Trânsito, 4ª edição – 2013, foi promovido pela 3ª Superintendência Regional de Polícia Rodoviária Federal em Mato Grosso do Sul (PRF/MS) em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN/MS) e apoio da ASSETUR, FCMS, FUNDAC, SED, SEMED, SEST/SENAT, SINEPE/MS, FETEMS, Prefeitura Municipal de Dourados, Prefeitura Municipal de Nova Andradina, Prefeitura Municipal de Três Lagoas, Prefeitura Municipal de Coxim, Prefeitura Municipal de Corumbá e Prefeitura Municipal de Campo Grande, através das Secretarias Municipais de Educação, dos Consulados do Paraguai e da Bolívia, entre outros se insere no âmbito dos projetos de Educação para o Trânsito atendendo o que estabelecem o Código de Trânsito Brasileiro e a Resolução SED nº 2.037/2006. Conforme a inspetora 150 peças foi analisada pelo corpo de jurados. 

 O objetivo do festival é estimular a produção teatral estudantil e criar condições para se pensar no comportamento de cada um em relação às regras que regem o trânsito de veículos, condutores e pedestres, promovendo assim a educação para o trânsito junto ao público jovem.

O público alvo destina-se a estudantes regularmente matriculados no sistema regular de ensino, das escolas públicas e privadas de Mato Grosso do Sul, exceto das modalidades EJA (Ensino de Jovens e Adultos) e profissional/tecnológica, e de escolas convidadas da Bolívia e Paraguai. A solenidade foi prestigiada pela direção, professores e alunos da Escola.
 Mais detalhes do festival com o regulamento no Link abaixo
fonte: http://www.novanoticias.com.br/noticias/destaque/prf-premia-alunos-da-escola-nair-palacio/203061












CALOR E TEMPERATURA (TERMÔMETRO)



Aula prática  realizada no Laboratório de Ciências pela Prof.ª  Adriana Diogo da disciplina de Física, com as turmas do 2º Ano A, B, C e D do Ensino Médio, com o tema “Conceituando Calor e Temperatura (termômetro)”. 
O  objetivo da aula prática  é verificar o funcionamento dos termômetros e construir um termômetro simples.
A  experiência  consistiu em utilizar os seguintes materiais: vidros transparentes, água/álcool, tubo de caneta, corante e massinha de modelar. Os alunos verificaram alguns termômetros e como eles registram as temperaturas, depois cada grupo construiu seu próprio termômetro que foi testado em água quente, que foi possível observar a dilatação do líquido no tubo de caneta, e em água fria, para observar a contração do líquido.
Foi uma aula muito divertida em que os alunos conseguiram compreender bem os conceitos básicos da montagem de um termômetro simples.
Segue as fotos.










3 de jul de 2013

“O QUE VOCÊ SABE SOBRE OS NUTRIENTES QUE INGERE”?



Aula experimental realizada no Laboratório de Ciências pela Prof.ª  Ivonete de Biologia, com as turmas do 1º Ano A, B, C e D do Ensino Médio, com o tema “O QUE VOCÊ SABE SOBRE OS NUTRIENTES QUE INGERE”.
Compreender o que é uma alimentação saudável é indispensável, pois a sociedade atual tem facilidades em obter produtos de fast-food (que significa “comida rápida” em inglês) onde são inclusos sanduíches, pizzas, pastéis etc e onde o número de calorias muitas vezes é absurdo. Pesquisas feitas relatam o sobre  o excesso de peso em jovens, justamente pela ingestão desse tipo de comida e pelos cálculos, daqui a 30 anos serão adicionados mais de 100 mil casos de doenças do coração, altos níveis de açúcar e colesterol no sangue.
Se escola é um local que permite a promoção da saúde, desempenhando papéis na formação de hábitos e formação de valores, inclui-se aqui, a conscientização para uma alimentação saudável.
 O objetivo do Projeto que inclui , aulas práticas, foi promover o consumo de alimentos saudáveis, conscientizando a contribuição para a promoção da saúde de forma atraente e educativa.
As atividades práticas foram desenvolvidas no Laboratório após a preparação do conteúdo (carboidratos, lipídios e proteínas) em slides com imagens, explicando a função de cada substância proposta, bem como a reação no organismo, para que os discentes possam classificar os alimentos a serem utilizados. Foi abordado na aula os distúrbios alimentares (anorexia, bulimia e obesidade) e a identificação dos hábitos alimentares dos discentes. Após a aula expositiva os alunos prepararam e degustaram  lanches naturais, acompanhados de suco natural de laranja.
O projeto foi desenvolvido com sucesso e total interesse dos alunos que se mantiveram empenhados o tempo todo em preparar os lanches saudáveis, valorizando assim uma alimentação adequada e de boa qualidade.

Vejam  as fotos.











Projeto 8º Anos



O presente projeto tem o propósito de revisar os conteúdos de matemática aprofundando nas atividades que se referem a, interpretação da matemática na resolução de problemas e possibilitando um desenvolvimento dos cálculos   nas suas diversas formas,  propiciando aos educandos melhores condições de criação e desenvolvimento do raciocínio lógico e a troca de conhecimento entre alunos.

          Devido a pouca ou falta total do hábito de estudo dos educandos, surgiu a necessidade de desenvolver um projeto adequado às duas realidades: incentivar e facilitar o  acesso de cálculos das operações básicas em  situações problema, tanto àqueles que já possui mais habilidade com os cálculos e aqueles  que não têm nenhuma  e para os que gostariam de desenvolver o hábito de estudar matemática e o desenvolvimento das potencialidades, habilidades e criatividade dos mesmos. Com o projeto cria-se condições para que o alunos e seu raciocínio lógico e sua forma de chegar aos resultados usando suas técnicas e habilidades se desenvolva e aperfeiçoe, de forma progressiva, contínua e integrada o uso de cálculos proposto pelas situações problemas constadas nas atividades. 

         O presente projeto fundamenta sua perspectiva de abordagem num referencial especificamente de cálculos propostos através de resolução de problemas , interpretação e produção do aluno através de suas habilidades mostradas através das atividades desenvolvidas pelos alunos.