27 de out de 2016

Concurso de Cartaz sobre a PAZ

E.E. Prof.ª Nair Palácio de Souza participa do Concurso de Cartaz sobre a PAZ em parceria com Lions Clubs de Nova Andradina.
A E.E. Profª Nair Palácio  de Souza participou do concurso de cartaz sobre a PAZ,  realizado pelo Lions Clubs Internacional, em parceria com Lions Club de Nova Andradina.
Este é um  evento internacional que incentiva  crianças de 11 a 13 anos de idade a expressarem criativamente suas percepções sobre a paz. O tema do concurso para 2016-2017 é “A comemoração da paz”. O concurso oferece aos estudantes a oportunidade de expressarem imagens singulares da paz, compartilhando suas visões com o mundo, para que todos tenham maiores tolerância e compreensão internacional.
Em nossa unidade escolar participaram 80 alunos, do 6º, 7º e 8º anos, onde foram premiados pelo Lions de Nova Andradina  os três melhores cartazes. A classificação  final  foi realizada no  dia 27/10/16  ficando assim:
1º lugar  a aluna Leticia Prado Araldo,  do 6º Ano C. Prêmio um tablet.
2º lugar o aluno Igor Vieira da Silva, do 6º ano C. Prêmio um celular.
3º lugar a aluna  Giovanna Lopes Araújo,  do 8º ano A. Prêmio um Phone Mex.
Às professoras de Arte,  Edna Cardoso e Silvana Ortega  nossos parabéns e muito obrigado pelo empenho  no desenvolvimento  desta atividade, que superou as expectativas, revelando grande habilidade e criatividade de nossos alunos.
 Salientamos que o cartaz  vencedor da aluna Leticia, irá concorrer em nível nacional, podendo ser classificado  para concorrer a nível internacional.
Nosso obrigado ao Lions Club de Nova Andradina em nome da Olívia Papa, que acompanhou todo o  processo e  por   apoiar a educação e nos proporcionar  esse momento na escola.

Vejam as fotos:









FECINOVA

E.E. Profª Nair Palácio se destaca na FECINOVA, ganhando 10 premiações  dos projetos apresentados e 03 bolsas de Iniciação Científica  da CNPq e IFMS.
 A E.E. Profª Nair Palácio de Souza se destaca na FECINOVA, ganhando 10 premiações  dos  17 projetos  apresentados e 03 bolsas de Iniciação Científica CNPq e IFMS.
Dentre os projetos destacaram-se:
1º lugar em Ciências Exatas e da Terra – Projeto: O uso de motores de impressoras para produção de energia limpa e de baixo custo. Orientador: Prof. Anderson  Chaves Negrile e Co-Orientador Profª Saraya Ali Saleh. Esse Projeto será apresentado na FETEC em Campo Grande em novembro próximo.
Neste  projeto, destacou-se o aluno Fagner dos Santos Torres que ganhou a Bolsa de Iniciação Cientifica da CNPq e IFMS.
1º lugar em Ciências Humanas e Ciências Sociais aplicadas. Projeto: Sustentabilidade e Combate Aedes Aegypti em Foco: Reuso da agua oriunda de efluentes domésticos a partir de um filtro de custo reduzido e desinfecção com oxido de ferro. Orientador: Prof. Carlos Guilherme Sasso e Co-Orientador: Profª Saraya Ali Saleh.
Neste projeto, teve destaque o aluno Thomaz Araújo Ruckil que ganhou a Bolsa de Iniciação Cientifica da CNPq e IFMS.
2º Lugar em Ciências Biológicas e da Saúde. Projeto: O uso e ocupação dos solos, educação ambiental, recuperação e conservação das nascentes do córrego Cascavel no perímetro rural de Nova Andradina. Orientador: Prof. Edmilson Pereira Coelho.
Neste projeto, destacou-se o aluno Italino Balbino Teixeira  que  recebeu  o prêmio de melhor projeto na Categoria nível médio/técnico.
3°lugar em Ciências Biológicas e da Saúde. Projeto: Alimentos Transgênicos: Realmente precisamos dele? Orientador: Prof. Carlos Guilherme Sasso e Co-Orientador: Claudinei A. dos Santos.
Neste projeto, destacou-se a aluna Halana A. Caseiro Lourenço que ganhou a Bolsa de Iniciação Cientifica da CNPq e IFMS.
3º lugar em Multidisciplinar. Projeto: Aplicação da Ferramenta Socrative como ponto entre o docente e discente no ensino da Física. Orientador: Anderson de O. Chaves Negreli e Co-Orientador: Prof Saraya Ali Saleh.
Na oportunidade parabenizamos os alunos, a  PROGELAB Profª Saraya Ali Saleh e  todos os professores que desenvolveram  e apresentaram os  projetos na feira de Nova Andradina, pois  despertaram o interesse pela pesquisa nos alunos, levando-os a conquistarem várias habilidades e competências dentro do processo ensino aprendizagem.

Vejam as fotos desse evento.










17 de out de 2016

Projeto de Literatura

Na semana de 03 a 07 de outubro a Profª Alexsandra Aguerra, de Literatura concluiu o “Projeto Vidas Secas”, cuja proposta era levar os alunos do 3º anos A, B e C do turno matutino contextualizar a vida dos nordestinos durante o período de seca de 1915. Para isso foi utilizada metodologias diferenciadas como: paródias, teatros (linguagem não verbal), instalação (cenário) e reportagens.
A Profª Alexsandra destacou o sucesso do projeto que alcançou o objetivo proposto, pois ao vivenciar o Modernismo daquela época (década de 30) os alunos puderam apreender sobre o equilíbrio entre a questão social e a introspecção psicológica, ou seja, sentiram a dor, a miséria provocados pela seca no nordeste daquela época.














6 de out de 2016

Enem

Escola Estadual Profª Nair Palácio  é uma das 14 melhores do Estado  no Enem
A Escola Estadual Prof. Nair Palácio de Souza,  mais uma vez, conquista a liderança das escolas públicas de Nova Andradina com maior nota no Exame Nacional do  Ensino Médio (Enem).  A referida instituição de ensino obtém  a melhor pontuação na região do Vale do Ivinhema  desde 2005, quando o MEC começou a  divulgar as notas das provas realizadas pelos alunos. No ano passado a escola alcançou a média 509,51 conquistando o 14º lugar no ranking  das escolas públicas de Mato Grosso do Sul. O resultado foi divulgado no dia 04 de outubro pelo Ministério da Educação.
Em relação à nota da redação também obteve sucesso, com a média 593,21, ficando na terceira posição no ranking das melhores médias em redação em MS.
Segundo a direção escolar o resultado satisfatório no Enem, deu-se graças ao esforço coletivo da equipe de profissionais que atuam na escola. A maioria dos professores é dedicada e procuram realizar um trabalho voltado para as avaliações de larga escala, como o Enem, a Prova Brasil. Todavia a grande preocupação da escola é oportunizar aos alunos ferramentas para exercer com competência e responsabilidade a vida na sociedade.

Em relação às escolas privadas, que foram as melhores classificadas, a direção aponta que as públicas ficam em desvantagem: os alunos das escolas privadas possuem uma carga horária maior, ou seja,  possuem aulas a mais de quase todas as disciplinas; o número de alunos em sala de aula é bem desigual ao das escolas públicas; o material usado pelo aluno (apostilas) é bem mais rico (e menos pesados ) do que os livros didáticos, sendo também melhor equipada. Em relação aos professores, não há diferenças, pois a maioria dos professores que atuam na rede particular trabalha também na rede pública. Porém todas essas situações é que nós impulsiona a fazermos intervenções na busca de melhores índice de aprendizagem e da qualidade da educação ofertada a toda comunidade escolar, acreditando que a educação é feita a seis mãos: escola, aluno e família.