13 de mar de 2017

VISITA TÉCNICA



ALUNOS, PROFESSORES E COORDENADORES DOS CURSOS TÉCNICOS EM MEIO AMBIENTE E AGRONEGÓCIO VISITARAM LIXÃO DESATIVADO, ATERRO SANITÁRIO, VIVEIRO DE MUDAS, CENTRO DE TRIAGEM DE MATERIAL RECICLÁVEL E UM SEMICONFINAMENTO DE BOVINOS DE CORTE LOCALIZADO NO MUNICÍPIO DE TAQUARUSSU.
No dia 11/03/2017, os alunos dos Cursos Técnicos em Meio Ambiente e Agronegócio, acompanhados por Professores e Coordenadores dos Cursos Técnicos da Escola Prof.ª Nair Palácio de Souza de Nova Andradina, estiveram em visita técnica ao lixão desativado, aterro sanitário, viveiro de mudas, centro de triagem de material reciclável e um semiconfinamento de bovinos de corte, localizado no Município de Taquarussu/MS.
O objetivo da visita foi que além de conhecer o trabalho que está sendo desenvolvidos no Município, foi também proporcionar aos alunos uma correlação dos conteúdos aplicados em sala de aula, com a parte prática através das visitas técnicas.
Acompanhados pela Técnica em Meio Ambiente Sra. Marcia Mendes que representou a SEMAT - Secretaria de Meio Ambiente e Turismo, os alunos, professores e coordenadores dos cursos puderam conhecer um pouco sobre o trabalho que está sendo desenvolvido no Município.
Uns dos fatores principais demonstrados pela Técnica, foi de frisar que o Município tem buscando conscientizar a população em geral, no intuito de participar dos projetos em relação a questão ambiental.
A visita foi dividida em Etapas onde:
Na 1ª Etapa teve-se uma recepção nas dependências da secretária, onde foi demostrado através de maquetes o processo do lixão desativado e do aterro sanitário, onde após a apresentação teve-se circuito de perguntas.
Na 2ª Etapa a visita prosseguiu até as dependências do lixão desativado. Essa etapa contou ainda com a introdução sobre o tempo de duração do lixão, e a sua vida útil de utilização onde o mesmo foi de 24 anos. Após um debate sobre o local e os impactos que os lixões geram para o meio ambiente, foram salientadas as medidas que estão sendo tomadas para se minimizar os impactos ao solo com a desativação do mesmo.
Na 3ª Etapa foi proporcionado a visita até as dependências do aterro sanitário, sendo demonstrado o processo. O aterro sanitário do Município conta com a liberação das licenças ambientais sendo Licença Prévia - LP, Licença de Instalação - LI e Licença Operação LO, sendo as mesmas autorizadas pelo órgão ambiental do Estado Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul - IMASUL, no entanto, o mesmo conta com a manta gel membrana, tubulação para a captação do gás gerado através do chorume, depósito para o chorume tratado, além de um depósito para resíduos hospitalares. No entanto, vale salientar que o lixo hospitalar não está sendo destinado ao local de armazenamento, pois assim como outros Municípios, os mesmos estão sendo recolhidos e destinados de forma correta através de uma empresa terceirizada que é responsável pela coleta. No entanto, o reservatório, é de caráter preventivo e para que o aterro esteja de acordo com as legislações vigentes.
Na 4ª Etapa foram proporcionados à visita ao viveiro de mudas do Município a qual contou com a presença do responsável pelo viveiro Sr. Emir, sendo apresentado o trabalho realizado pelo mesmo, diante do viveiro, como a prática executada, como por exemplos os processos de coleta de sementes, preparo das mesmas para o cultivo, preparo do substrato, plantação e cuidados com as mudas durante e após germinação. O viveiro conta ainda com 2 Bosque formado com várias espécies nativas, demostrando os resultados e as práticas desenvolvidas pela equipe.
Na 5ª Etapa teve-se a visita ao centro de triagem de material reciclável, onde se pode analisar o trabalho da coleta seletiva.
Na 6ª Etapa foi proporcionado a sequência da visita até uma propriedade rural que trabalha com o sistema de semiconfinamento de bovinos de cortes, sendo que nas dependências da propriedade, fomos recebidos pelo gerente da Fazenda, a qual explicou o processo desenvolvido na propriedade, de cria e engorda do gado, sendo os mesmos das raças nelores e angus, além das partes de manejo, práticas conservacionistas do solo, manejo rotacionado de pastagens e questões ambientais, como Reserva Legal, onde foi concluído a visita técnica.
Vale salientar que as visitas técnicas são de suma importância para a formação dos alunos dos cursos, além de facilitar a aprendizagem, oriundo da forma que o mesmo busque analisar, visualizar, compreender e dividir conhecimentos e experiências, relacionando ao conteúdo técnico apresentado durante as aulas com a parte prática demonstrados nas visitas técnicas. No entanto, a visita realizada contemplou as expectativas e seus objetivos necessários.
Em nome da Direção da Escola Nair Palácio e os Coordenadores do Curso Edmilson e Graziane, juntamente com os Alunos dos Cursos Técnicos Em Meio Ambiente e Agronegócio, acompanhados pelos professores das disciplinas: Coleta Tratamento e Disposição de Resíduo Sólidos e Gestão Ambiental Ministradas pela Prof.ª Flávia, Gestão de Produção Vegetal e Química Ambiental Ministradas pela Prof.ª Graziane, Gestão do Agronegócio e Ética e Cidadania Ministrados pelo Prof.º Vilson e Avaliação do Impacto Ambiental e Higiene e Segurança no Trabalho Ministrados pelo Prof.º Edmilson, onde viemos atenciosamente agradecem a SEMAT na ocasião representada pela Sra. Marcia Mendes, juntamente com o Sr. Emir, pela Atenção, Recepção e Dedicação com os Alunos dos Cursos Técnicos Em Meio Ambiente e Agronegócio, além do gerente da Fazenda e a Prefeitura Municipal de Nova Andradina/MS.
Vejam as fotos









 




Nenhum comentário: